Raposos, 21 de setembro de 2014

Prefeitura de Raposos

Você sabia?
Buscar no site Buscar

Institucional

Festa do Cavalo recebe mais de 25 mil pessoas em quatro dias

por Comunicação

23/08/2011 03:35

Matéria e fotos: *Felipe José de Jesus Jornalista: DRT: 15263-MG (JP) (SJPMG) *Evandro Avelar Jornalista (JP) (SJPMG) *Cobertura: Convite da Prefeitura Municipal de Raposos- MG*

Uma cidade em pleno estado de alegria, com muitas crianças, jovens e pais nas ruas, várias barraquinhas, policiamento de prontidão em meio a apresentações de rodeios e para completar, muita música com shows de pop-rock, e algumas das melhores duplas sertanejas universitárias do Brasil. Estas foram algumas das situações vistas por quem chegava a Raposos, e algumas das atrações oferecidas, durante a 24ª edição da tradicional - ‘Festa do Cavalo’. O evento foi realizado de 18 a 21 de agosto com entrada franca. A festa foi uma realização da Prefeitura da cidade, sob o comando da gestão do prefeito Nélcio Duarte, com a produção de shows da ‘BMF Produções’. Durante os quatro dias de festa, mais de 25 mil pessoas prestigiaram o evento. Entre as atrações, no dia 18, os destaques de Raposos, com a banda Ministério Glorifica e Peões em Cristo, já no dia 19, Roger Pires e Edson, banda Safira e Bruno e Breno.

A banda Ministério Glorifica agitou os presentes com seu pop-rock
Os Peões em Cristo levantaram poeira

Já nos dias 20 e 21 a animação ficou por conta da dupla Fernando e Fabrício, Lúcio Lopes e a atração mais esperada, a dupla Clayton e Romário, que já emplacam o sucesso - ‘Chovendo Paixão’, nas rádios de todo o Brasil. Além destas atrações, Ricardo Moreira, o grupo Na Balada e a dupla Ataíde e Alexandre, que fecharam o último dia de festa com grandes clássicos da música sertaneja. Fora as atrações musicais, a festa contou com a visita especial do deputado e secretário de Estado de Trabalho e Emprego de Minas Gerais, Carlos Pimenta, que veio ver de perto a festança.

 
A dupla Clayton e Romário arrancaram suspiros das fãs
A dupla Fernando e Fabrício animaram o 3º dia de festa
Lúcio Lopes de camisa quadriculada e convidados

Em entrevista exclusiva ao Jornal Correio Eletrônico, o prefeito de Raposos, Nélcio Duarte, (PT) falou sobre a importância da Festa do Cavalo para a cidade e ainda descreveu sobre a falta que o festival fez para os moradores em 2010. “É um evento cultural, sem sombra de dúvida. Uma festa tradicional, mas que por motivos de problemas de outras gestões que passaram por aqui, teve que ser interrompida. Porém este ano, na minha gestão, estamos organizando a casa, cuidando da população e foi por isso que conseguimos trazê-la de volta, para os moradores e também visitantes. Os raposenses nos cobraram muito, mas muito mesmo, pois é uma festa que já faz parte do calendário. Todos os habitantes gostam, e digo, participam com muita vontade sempre”, afirmou.

O prefeito Nélcio Duarte e o secretario Carlos Pimenta

Já para o secretario Carlos Pimenta, a festa de Raposos já faz parte do calendário de moradores até de Belo Horizonte, além disso, ele parabenizou os trabalhos do prefeito. “É uma festa com tradição. A cidade tem uma estrutura perfeita e não deixa a desejar frente a outros municípios. Nélcio Duarte está de parabéns, é um homem simples e muito trabalhador. Nós o apoiamos, inclusive temos uma novidade, vamos trazer para a cidade, o Projeto de Inclusão Produtiva do Governo do Estado de Minas Gerais. Será para ajudar Raposos com cursos que possibilitarão a geração de renda. Fora este um na área de saúde, voltado para atender pessoas que precisam de socorro médico e que acabam indo para BH e Nova Lima. Será para ajudar a trazer mais recursos na saúde do município” disse o deputado. De acordo com o presidente da Câmara de Raposos, Carlos Alberto Coelho, o evento além de ser muito conhecido, este ano trouxe uma novidade, as apresentações voltadas para o público gospel. “A população gosta tanto que quando não têm, eles reclamam mesmo. Todos apóiam. Neste ano, tivemos um diferencial, trouxemos apresentações voltadas para o público evangélico, e eles gostaram. Fora isso, os comerciantes além de nos apoiar, também tiveram mais acesso e boas vendas, até por que não existiu este ano a entrada paga de moradores e visitantes ao evento”, lembrou o presidente da Câmara.

A jornalista Geize Pires (chefe de gabinete de Raposos) com o presidente da Câmara, Carlos Alberto Coelho

O vendedor Roberto Eustáquio aprovou a forma de credenciamento para a festa e disse que o não pagamento de entrada de visitantes e moradores, trouxe mais pessoas para o evento. “O custo benefício melhorou demais. Já trabalhei no evento em edições anteriores. Hoje o que cito de melhor é o fato da não cobrança de entrada, o sábado foi meu melhor dia. Isso ajuda o comerciante demais. Não posso me esquecer que o atendimento para credenciamento ao evento foi ótimo, fui muito bem tratado”, parabenizou o comerciante. “Achei muito bacana e uma das atrações que eu esperava era o show de Clayton e Romário”, disse empolgada a moradora Ildevani Guimarães. “Gostamos muito do primeiro dia com as apresentações de bandas gospel. Já as duplas sertanejas, adoramos também. Todas bem legais”, disseram as irmãs Franciele e Graziele de 12 e 14 anos. Pela segunda vez na cidade, a dupla de sertanejo universitário, Clayton e Romário, conterrâneos de Goiânia e com vários sucessos nas rádios do Brasil, disseram em entrevista ao Jornal Correio Eletrônico, que voltar a cidade novamente, é um prazer, uma vez que agora, os moradores já conhecem melhor suas composições. Além disso, falaram um pouco da carreira, referências musicais e divulgação de suas músicas.

“Temos 8 anos de carreira, um CD e um DVD gravado e algumas músicas nas rádios, a Se Rolar, Rolou, Chovendo Paixão e etc. Estar pela segunda vez em uma cidade como Raposos, que as pessoas gostam de nosso trabalho é muito bom e muito graticante. Um dos impulsos a abrangência das músicas, é que o sertanejo universitário, mudou a concepção de muitos jovens, pois a música chegou aos ouvidos daqueles que antes só ouviam rock, ou outro estilo musical. A música agora é pop. Nós não deixamos de ouvir o sertanejo de raiz, temos nossas referências como, por exemplo, Edson e Hudson, e outros mais clássicos, pois tocamos e produzimos músicas sertanejas”, lembrou Clayton. Sobre a divulgação das músicas e trabalhos da dupla, Romário disse que hoje, a Internet é o melhor meio. “Uma das melhores formas é a web. Ela ajuda principalmente o artista que está no início da carreira, no começo. Não tem como fugir, pois hoje os tempos são outros, os cantores vivem de shows, não de discos e os fãs acabam baixando ou comprando as músicas. É o melhor meio de comunicação para chegar aos fãs hoje, sem dúvida”, afirmou. “Parabenizamos a 24ª Festa do Cavalo”, concluíram a dupla Clayton e Romário. Para conhecer mais sobre os trabalhos da dupla acesse: www.claytoneromario.com.br .



Matérias relacionadas

    Final do corpo do documento e conteúdo da página
    Portal F�cil
    Praça da Matriz, nº64 - Centro - Raposos - Tel: (31) 3543-1276
    Desenvolvido por Actcon.net