Raposos, 26 de junho de 2017

Prefeitura de Raposos

Você sabia?
Imprimir Email

História

História da cidade

por Comunicação

20/03/2009 14:00

O município de Raposos, um dos primeiros povoados de Minas Gerais, foi fundado em 1690 por Pedro de Morais Raposo, bandeirante do território paulista que se estabeleceu na cidade. No início, recebeu o nome de Arraial das Velhas e, posteriormente, passou a se chamar Arraial dos Raposos.


O Arraial de Raposos foi se desenvolvendo com a instalação dos primeiros engenhos, com o abastecimento dos primeiros monjolos para a fabricação de farinha de mandioca - e com as plantações de feijão, arroz, milho e cana-de-açúcar.

Como de costume na época, foi edificado um templo e erguida uma pequena ermida de pau-a-pique, que foi consagrada como a capela de Nossa Senhora da Conceição, em 8 de Dezembro de 1690 - a 1ª Matriz de Minas Gerais.

Em 27 de dezembro de 1948, o Arraial dos Raposos é elevado à categoria de município, denominado Raposos, desmembrando-se de Nova Lima em 1º de Janeiro de 1949. Em 1950, Lindouro Duarte Batista tornou-se o primeiro Prefeito da cidade.

Em Raposos, existem várias manifestações culturais como o Congado, a Marujada, o Moçambique, a Cavalhada, a Pastorinha, a Capoeira, a Procissão das Almas, a Folia de Reis e outras que sobreviveram graças ao povo raposense.

A mão-de-obra em Raposos se concentra basicamente em atividades artesanais. Existem na comunidade diversas costureiras, lavadeiras, costuradores de bola, entre outras.

A cidade conta mais de dezoito nascentes com paisagens de rara beleza, que transformam o município em um verdadeiro santuário ecológico. Algumas dessas atrações turísticas podem ser resumidas no Poço dos Crentes, da Pedra e dos Impossíveis.

Assista ao vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=9BKKdZWHthE&feature=channel_page
 



Matérias relacionadas

    Final do corpo do documento e conteúdo da página